Até onde pode chegar a arrogância do ser humano?