Via  lista 10

1-Ilha de Queimada Grande
No litoral brasileiro, quase no centro do litoral sul paulista, está localizada a Ilha de Queimada Grande – ou ilha da cobra. A ilha é ainda inexplorada e inabitada, e por uma boa razão. Estima-se que na ilha vivam de 1 a 5 cobras por metro quadrado. O pior é que a espécie de cobra do local, é tão venenosa que responde por 90% das mortes pelo animal no país. Local: Brasil
2-A Zona de Alienação
Com cerca de 30km a zona de exclusão fica em torno da usina nuclear de Chernobyl onde ocorreu o desastre. Milhares de locais se recusaram a deixar o local ou retornaram para lá algum tempo depois do desastre. Com o passar das décadas a população tem minguado, primeiramente os idosos – cerca de 400 apenas em 2009 devido a exposição a radioatividade.
Local: Ucrânia
3-Vulcões de lama
Na primavera de 2001, a atividade vulcânica no mar Caspio na costa de Azeri criou uma nova ilha do nada. O que há no Azerbaijão são vulcões de lama – centenas deles. Vulcões de lama têm erupções ocasionais com resultados impressionantes, mas não são considerados perigosos a menos que você esteja no lugar errado e na hora errada.
Local: Azerbaijão
4-Estrada de Yungas
A estrada de Yungas, também conhecida como estrada da morte, liga a Amazônia Boliviana a capital La Paz e lá ocorrem cerca de 200-300 acidentes fatais todo ano. Devido a altura das quedas – de mais de 600m – faixa única de trafego – a parte mais larga da estrada não passa dos 3m e a falta de acostamentos tornam a estrada extremamente perigosa.
Local: Bolívia
5-Ilhas Ramree
Essa ilha em Burma, é nada menos que um pântano gigante e lar de milhares de crocodilos gigantescos de água salgada, os mais perigosos do mundo. O spa a céu aberto também é abrigo para mosquitos transmissores de malaria e escorpiões altamente venenosos. Durante a segunda guerra, a ilha foi por seis semanas campo de batalha.
Local: Burma
6-Mina de amianto
No Canadá, nas minas de Thedfort, você pode visitar uma enorme jazida de amianto ainda ativa. Nessa jazida, os trabalhadores não usam nenhum tipo de material de proteção especial e além disso, alguns vilarejos dividem espaço com pilha de lixo residual das minas de amianto. Se você quiser ir lá, não se esqueça de levar seu traje anti contaminação.
Local: Canadá
7-Jardins venenosos de Ainwick
Inspirado no Jardim Botânico de Pádua, na Itália (o primeiro jardim com finalidade de cultivar plantas medicinais e venenosas no século XVI) O Jardim de Ainwick é dedicado inteiramente a plantas venenosas com poder letal.
O jardim tem licença especial para cultivo de plantas não muito ortodoxias como a cannabis e a coca.
Local: Inglaterra
8-Os portões do Inferno
Geólogos explorando e escavando em Derweze no Turcomenistão em 1971 acabaram achando por acidente uma caverna subterrânea cheia de gás. O solo sob a escavação cedeu deixando um buraco com o diâmetro de aproximadamente 50-100 metros. Para evitar a propagação de gás venenoso , os cientistas atearam fogo no buraco. Até hoje o fogo queima lá.
Local: Turcomenistão
9-Ilhas Izu
As ilhas Izu são um grupo de ilhas vulcânicas que se estendem de leste a sul da península de Izu, no Japão. Administrativamente, elas são um conglomerado de 2 cidades e 6 vilarejos. Devido a sua natureza vulcânica, as ilhas são constantemente tomadas por nuvens de gás sulfúrico. Os habitantes carregam máscaras de gás para o caso de erupções.
Local: Japão
10-O Grande eixo de lixo do Pacífico
Esse lugar, também conhecido como o vortex de lixo do Pacifico, é um grande lixão a céu aberto no meio do Oceânico Pacífico norte-americano. A maioria das estimativas acerca dele dizem que é certamente maior que o estado do Texas. Apesar do tamanho, o lixão marítimo não é de fácil visualização porque é formado por pequenos detritos quase imperceptíveis.
Local: Oceano Pacífico

20 comentários em “10 lugares que você nunca vai querer visitar

  • maio 20, 2010 em 08:48
    Permalink

    Desses lugares aí eu quero passar longe, ou melhor, já estou longe, rsrs.

  • maio 20, 2010 em 11:40
    Permalink

    poh , até ia em algum desses ai ! =P

  • maio 20, 2010 em 15:24
    Permalink

    A ilha de queimada grande fica na minha cidade, toda hora um biologo se fode lá! ( Da pra ver ela da minha janela! ) *—-*

  • maio 20, 2010 em 23:18
    Permalink

    Peraí, o amianto o único problema é respirar o pó que ele solta 😡
    Pode até comer que não fará mal(que eu saiba xD), mas inclusive é até recomendado que se troque as telhas(que possuem amianto) a cada 3 ou 5 anos(não lembro ao certo), pois a partir dessa data, a telha fica muito desgastada e começa a soltar o pó, que se inalado, pode dar problemas respiratórios e câncer.

  • maio 20, 2010 em 23:29
    Permalink

    Putz, desses lugares, eu quero mesmo é voar longe, kualé? Meldeus, ngm merece não!

  • maio 21, 2010 em 07:59
    Permalink

    dessas ai eu qria visitar a zona em torno da usina de Chernobyl. devidamente protegido é claro 😛

  • maio 21, 2010 em 10:47
    Permalink

    Eu iria de boa a A Zona de Alienação, agora por pouco tempo

  • maio 21, 2010 em 12:28
    Permalink

    Olá,adoro muito o blog e acompanho diariamente.
    Mas posto esse comentário para indicar o blog:
    Nutrir-online.blogspot.com
    É um blog voltado para dúvidas e idéias de alimentação saudável de maneira leve e descontraída.
    A nutri até responde pergunta pelo blog.
    Ta aí minha indicação.
    falow
    E mais uma vez,show o seu blog!!!

  • maio 22, 2010 em 23:16
    Permalink

    Excelente post!
    So conhecia o último O_O’

  • maio 23, 2010 em 01:24
    Permalink

    Nuss, a Estrada de Yungas tem nm jogo que jogo, 18 Wheels Of Steel Extreme Trucker [dá p/ ter uma idéia do pq do nome…], de fato, ela é uma estrada fia duma égua e tem partes em que vc tem viajar de noite e com uma chiva pra lá de pesada. Detalhe, visibilidade 0! E pior que [essa parte é na vida real] ainda tem camioneiros que se arriscam lá com suas carretas carregadas e [em bem menor nº], bitrens.

    Há algumas partes em que até pick ups [do tamanho de uma Frontier] tem dificuldades tamanha a angulação da curva!

  • maio 23, 2010 em 12:37
    Permalink

    Esse ultimo so podia ser de americano, odeio-os

  • maio 24, 2010 em 16:26
    Permalink

    queria saber a fonte das asneiras, cada coisa q a gente lê na net q é phueda, e o pior q tem gente q acredita

  • maio 26, 2010 em 02:02
    Permalink

    Os Portões do Inferno e os Jardins Venenosos de Ainwick eu iria rindo!
    Lindo pra porra. *_*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.